Flesch Reading Ease: ajuda a SEO?

A pontuação Flesch Reading Ease é um valor numérico que indica a legibilidade de um texto. Esta pontuação ajuda a determinar a facilidade de compreensão de um texto por um público alargado. As pontuações são calculadas com base no comprimento das frases e na complexidade das palavras, sendo que as pontuações mais elevadas indicam um material de leitura mais fácil. No contexto do conteúdo digital, esta pontuação desempenha um papel crucial na otimização dos textos para uma melhor experiência do utilizador.

O desenvolvimento da escala Flesch Reading Ease

Desenvolvido na década de 1940 por Rudolf Flesch, um psicólogo austríaco-americano, o índice Flesch Reading Ease destinava-se originalmente a melhorar a legibilidade dos textos em inglês.

Flesch introduziu uma fórmula que tem em conta a duração média das frases e o número médio de sílabas por palavra, gerando uma pontuação numérica que representa a legibilidade. Desde então, esta fórmula foi adaptada a diferentes línguas e tornou-se uma ferramenta padrão para escritores, educadores e especialistas em SEO.

A importância da legibilidade para a SEO

A legibilidade é vital para a otimização dos motores de busca (SEO) porque afecta diretamente a experiência do utilizador. Os textos que são fáceis de ler e compreender prendem a atenção dos leitores durante mais tempo, o que leva a uma taxa de rejeição mais baixa e a um maior tempo na página. Os motores de busca como o Google utilizam os sinais de interação dos utilizadores como indicadores da qualidade do conteúdo, o que afecta a classificação nos motores de busca. Melhorar a legibilidade do conteúdo aumenta as hipóteses de obter classificações mais elevadas, mais tráfego orgânico e, em última análise, uma melhor taxa de conversão.

A relação entre os índices de legibilidade e a classificação nos motores de busca

Embora os motores de busca, como o Google, não confirmem explicitamente que as pontuações de legibilidade são um fator de classificação direto, numerosos estudos e análises mostram que existe uma correlação significativa entre conteúdos altamente legíveis e classificações mais elevadas nos resultados de pesquisa. Os motores de busca esforçam-se por fornecer aos utilizadores informações relevantes, acessíveis e valiosas. Os textos com uma pontuação elevada de facilidade de leitura Flesch cumprem frequentemente estes critérios, apresentando informações complexas de forma simples e compreensível. Por conseguinte, a otimização da legibilidade dos conteúdos é uma parte essencial das estratégias de SEO, destinadas a melhorar a visibilidade e o alcance dos conteúdos em linha.

Cálculo da pontuação Flesch Reading Ease

A pontuação Flesch Reading Ease fornece uma medida quantitativa da legibilidade de um texto. Esta pontuação varia entre 1 e 100, sendo que uma pontuação mais elevada indica uma maior legibilidade. A fórmula para calcular esta pontuação tem em conta dois elementos-chave: a extensão das frases e a complexidade das palavras.

A fórmula explicada

A fórmula para calcular a pontuação Flesch Reading Ease é a seguinte

Pontuação=206,835-(1,015×comprimento médio da frase)-(84,6×número médio de sílabas por palavra)Pontuação=206,835-(1,015×comprimento médio da frase)-(84,6×número médio de sílabas por palavra)

Aqui, o comprimento médio das frases é o número total de palavras dividido pelo número de frases, e o número médio de sílabas por palavra é calculado dividindo o número total de sílabas pelo número total de palavras.

Factores que influenciam a pontuação

Há dois factores principais que influenciam a pontuação Flesch Reading Ease: o comprimento das frases e a utilização de palavras complexas (medidas em sílabas). Frases mais longas e palavras com mais sílabas diminuem a pontuação, indicando uma menor legibilidade. Em contrapartida, frases mais curtas e palavras mais simples aumentam a pontuação, indicando um texto mais fácil de compreender.

Otimizar o conteúdo para uma melhor legibilidade

A otimização do conteúdo para uma melhor legibilidade consiste em ajustar deliberadamente o estilo de escrita para melhorar a acessibilidade e a compreensibilidade do texto.(1) Isto não só tem um impacto positivo no leitor, como também melhora o desempenho SEO do conteúdo.

Conselhos práticos para melhorar a legibilidade

Para melhorar a legibilidade dos textos, é possível utilizar as seguintes estratégias:

  • Utilizar frases mais curtas: isto torna o texto mais acessível e mais fácil de seguir.
  • Evitar palavras complexas: Sempre que possível, escolha alternativas mais simples que sejam amplamente compreendidas.
  • Variar a estrutura das frases: Isto mantém a atenção do leitor e melhora a experiência geral de leitura.
  • Utilize a forma ativa em vez da passiva: as frases activas são frequentemente mais curtas e mais claras.

A importância de frases e parágrafos curtos

Frases e parágrafos curtos aumentam significativamente a legibilidade. Tornam o texto visualmente mais apelativo e proporcionam pontos de descanso para o leitor. Isto melhora não só a compreensibilidade mas também o envolvimento com o texto.

Utilizar palavras do quotidiano

A utilização de palavras do quotidiano desempenha um papel crucial para tornar os conteúdos acessíveis. Evitar o jargão técnico e a terminologia complexa, ou explicá-los quando a sua utilização é inevitável, torna o texto compreensível para um público mais vasto. Isto contribui para uma pontuação mais elevada de facilidade de leitura Flesch e melhora a experiência do utilizador.

Ferramentas e software para medir a legibilidade

Na era digital, existem várias ferramentas e programas informáticos que permitem analisar a legibilidade dos textos. Estas ferramentas oferecem aos redactores e editores informações valiosas sobre o desempenho dos seus conteúdos em termos de acessibilidade e compreensibilidade para o público a que se destinam.

Visão geral dos recursos disponíveis

Existe uma série de ferramentas disponíveis para medir a legibilidade dos textos:

  • Hemingway App: Esta aplicação destaca frases que são difíceis de ler, que utilizam voz passiva e sugere alternativas mais fáceis.
  • Grammarly: Para além das verificações gramaticais e ortográficas, o Grammarly também oferece feedback sobre a legibilidade dos textos.
  • Ferramentas de teste de legibilidade: Sítios Web como o WebFX’s Readability Test Tool fornecem uma análise instantânea das pontuações de legibilidade dos conteúdos, com base na pontuação Flesch Reading Ease e noutros índices.
  • Microsoft Word: O Microsoft Word inclui uma função incorporada para verificar as estatísticas de legibilidade, incluindo a pontuação Flesch Reading Ease e o nível de classificação Flesch-Kincaid.

Vantagens da utilização de ferramentas de legibilidade

A utilização de ferramentas de legibilidade oferece várias vantagens:

  • Melhor acessibilidade: a otimização da legibilidade dos conteúdos torna-os mais acessíveis a um público mais vasto, incluindo leitores com diferentes níveis de leitura.
  • Maior envolvimento: Os textos fáceis de compreender prendem a atenção do leitor, o que leva a um maior envolvimento e interação.
  • Otimização SEO: Textos bem legíveis contribuem para um melhor desempenho de SEO, uma vez que os motores de busca recompensam com classificações mais elevadas os conteúdos que proporcionam uma experiência positiva ao utilizador.
  • Eficiência na edição: As ferramentas de legibilidade aceleram o processo de edição, identificando rapidamente as áreas que precisam de ser melhoradas, garantindo um fluxo de trabalho mais eficiente.

A integração de ferramentas de legibilidade no processo de redação e edição é um passo em frente para a criação de conteúdos de elevada qualidade, acessíveis e optimizados para SEO. Ao procurar textos não só informativos mas também fáceis de compreender, é possível atingir um público mais vasto e causar um impacto mais profundo.

Conclusão

A otimização da legibilidade dos conteúdos é essencial para melhorar a experiência do utilizador e o desempenho de SEO. Ao utilizar ferramentas de legibilidade e boas práticas, como escrever frases curtas e utilizar palavras do dia a dia, os conteúdos podem tornar-se mais acessíveis a um público mais vasto. Isto contribui para um maior envolvimento, melhores classificações nos motores de busca e, em última análise, uma comunicação mais bem sucedida.

Tan, P. (2024, 8 de janeiro). Otimização de conteúdos: O guia completo. Blogue de SEO da Ahrefs. https://ahrefs.com/blog/content-optimization/

Senior SEO-specialist

Ralf van Veen

Senior SEO-specialist
Five stars
Obtenho um 5.0 no Google em 75 revisões

Há 10 anos que trabalho como especialista independente em SEO para empresas (nos Países Baixos e no estrangeiro) que pretendem obter uma classificação mais elevada no Google de uma forma sustentável. Durante este período, prestei consultoria a marcas de renome, criei campanhas internacionais de SEO em grande escala e orientei equipas de desenvolvimento globais sobre otimização de motores de busca.

Com esta vasta experiência em SEO, desenvolvi o curso de SEO e ajudei centenas de empresas a melhorar a sua capacidade de serem encontradas no Google de uma forma sustentável e transparente. Para isso, pode consultar o meu portefólio, referências e colaborações.

Este artigo foi originalmente publicado em 22 Abril 2024. A última atualização deste artigo foi em 22 Abril 2024. O conteúdo desta página foi escrito e aprovado por Ralf van Veen. Saiba mais sobre a criação dos meus artigos nas minhas directrizes editoriais.